Nancy

Hôtel New York em Nancy – barato e perto do coração da cidade

8 de julho de 2015

Vou começar hoje meus posts sobre Nancy, cidade da região da Lorraine, que conheci no final do inverno e que amei. O primeiro texto vai ser sobre o hotel em que fiquei, que acabou se revelando uma ótima surpresa.

nancy

Sempre viajo sozinha, e, por isso, a hospedagem é sempre o item mais caro das minhas viagens. Quando você viaja a dois ou mais, acaba rachando preço do quarto e sai mais em conta. Mas, como gosto de viajar só, acabo encarando os preços. Então, fiz a pesquisa no Booking e achei os preços e a localização do New York muito bons. Era 35 euros para o quarto individual sem banheiro e 55 euros com banheiro. Estava dentro do meu orçamento. O problema é que os comentários do Tripadvisor não era lá muito animadores. Porém, não havia nada grave nas reclamações. Aí, pensei: vou na opinião dos outros ou economizo para comer melhor ou comprar algo a mais? Então, resolvi arriscar, e, olha, não me arrependi.

nancy

O hotel é bem simples, mas, pelo que tinha lido, esperava uma espelunca. Não era. O quarto era até que grande e a cama, é claro, de solteiro, mas confortável. O banheiro era limpo também. A televisão era antiga, mas só liguei para testar. Afinal, quem vai ficar vendo TV com uma cidade para descobrir?

nancy

O café-da-manhã é pago à parte, assim como a maioria dos hotéis na França. Era 7 euros por dia. Mas acabei não tomando lá nenhum dia exatamente porque tinha vários lugares para comer ali perto, assim como dois supermercados. E aí que entra o ponto principal que me fez escolher este hotel: a localização. Ele fica perto da Place Stanislas, que é o coração da cidade. Do New York até a praça era mais ou menos sete minutos andando e isso considerando que ando devagar e que Nancy não é uma cidade pequena, ou seja, tem muito hotel caro que fica muito mais longe. Da estação é quinze minutos a pé ou cinco de tramway, que também passa perto do hotel.

nancy

O ponto negativo foi: era final de inverno e, apesar de ter aquecimento, não tinha cobertor na cama. Mas, como sou friorenta, pedi uma coberta para a recepcionista e ela na hora me deu uma. Ah, outra coisa: cheguei antes do check-in e eles guardaram a minha bagagem. E fizeram o mesmo depois do check-out, que era às 11 da manhã, mas meu trem só partia à noite. O que conclui desta experiência: é sempre bom ler as opiniões dos usuários, mas também é bom não levá-las tão a sério e arriscar à vezes. Assim, eu recomendo o Hôtel New York para quem vier a Nancy. E recomendo mais ainda conhecer esta bela cidade, que será tema dos próximos posts.

nancy
A rua do hotel

Hôtel New York
63 rue Saint Nicolas
54000 Nancy
Telefone: (33)3 83 32 52 12
Horários da recepção: das 7h às 13h e das 17 às 21h. Sábados e domingos: das 10h às 13h e das 18h às 21h. Fora deste horário, é só digitar o código da porta, dado no check-in.
Check-in a partir das 17h; check-out até as 11h.
Para chegadas fora desses horários, basta contatar a recepção.

Como chegar: a partir da estação de Nancy, são 15 minutos a pé. Mas se preferir, pode ir de Tranway 1, direção Essey Mouzimpré e descer na parada Cathédrale. O trajeto dura cinco minutos e a caminhada da parada até o hotel, mais cinco. Mais informações no site da Stan, a companhia de transportes de Nancy.

nancy
A Place Stanislas, em Nancy, Patrimônio Mundial da Unesco

* Reserve hotel para Paris e outras cidades do mundo com o Booking
* Compre seu seguro de viagem com a Real ou com a Mondial
* Para fazer passeios e excursões, contate a ParisCityVision
* Para transfer e passeios privados, contate a França entre Amigos
* Compre ingressos fura-fila para várias atrações de Paris e outras cidades com a Ticketbar
* Alugue um carro com a Rentalcars
* Saiba mais sobre Cursos de idiomas no exterior

Renata Rocha Inforzato

Sou de São Paulo, e moro em Paris desde 2010. Sou jornalista, formada pela Cásper Líbero. Aqui na França, me formei em História da Arte e Arqueologia na Université Paris X. Trabalho em todas essas áreas e também faço tradução, mas meu projeto mais importante é o Direto de Paris. Amo viajar, escrever, conhecer pessoas e ouvir histórias. Ah, e também sou louca por livros e animais.

Comentários (7)

  • gui Responder    

    9 de julho de 2015 at 7:57

    Adorei! Gostava de um dia poder visitar todos os sítios maravilhosos que nos mostra. Tenho uma pergunta para você, alguma vez foi a Nice? É que recebi um convite e não sei se vale a pena aceitar. Beijo

    • Renata Inforzato Responder    

      10 de julho de 2015 at 19:32

      Oi Gui, ainda não fui para Nice, mas se vc tem convite, vale a pena aceitar. Já vi fotos de lá e está na minha lista de lugares para conhecer. bjs

      • gui Responder    

        11 de julho de 2015 at 13:29

        Obrigado pela dica, vou em setembro e depois lhe dou notícias. Bjs

  • Nancy – entre parques e jardins da cidade | Direto de Paris Responder    

    12 de setembro de 2015 at 6:01

    […] sobre as quais iria fazer um texto separado? Pois este é um desses posts. Depois de falar do hotel em que fiquei, da cidade em geral e das portas e arcos do triunfo, agora é a vez dos parques e […]

  • Renan Responder    

    29 de dezembro de 2015 at 2:32

    bom site. recomendo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Direto de Paris usa cookies para funcionar melhor. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close