Newsletter Direto de Paris #1

Newsletter 1
Esta foto foi tirada agora em janeiro de 2022, quando a Torre Eiffel e vários outros monumentos foram iluminados em azul em comemoração da França ocupar a Presidência da União Europeia até junho

Esse é o primeiro número da newsletter do Direto de Paris e espero que seja o primeiro de muitos. Faz tempo que queria criar mais este canal de comunicação, mas as minhas obrigações do dia-a-dia acabavam atrapalhando. Só que se eu não começar, nunca vou fazer, não é?

Então, aqui está uma newsletter cheia de França para você. Mas, por que França se o blog se chama Direto de Paris? Simples! Porque este país é muito lindo para que se fale só da Cidade Luz. Você não acha?
Assim, espero que goste de mais este cantinho e das informações que preparei. E se tiver sugestões, é só me enviar por email que vou lê-las com carinho e colocá-las em prática na medida do possível. Boa leitura!

 

La Chandeleur

 

Aqui na França, o mês de fevereiro começa com a Chandeleur, que é comemorada no dia 2. É uma data em que há a tradição de se comer crepes e o pessoal aqui entra no jogo com prazer. Ninguém é bobo!
Mas o que se comemora na Chandeleur? Desde 472, nesta data é comemorada a apresentação de Jesus no templo, exatos quarenta dias depois do Natal. Mas sua origem é pagã e remonta os tempos dos Celtas e Romanos. Era uma festa para celebrar o final do inverno, que seria em breve, e a chegada de dias que seriam melhores para a agricultura.
E por que comer crepes? Uma das hipóteses é que por ser redondo e quente, lembrava o sol. Mas há outras hipóteses para a comemoração, como o fato de ser de trigo, o que representa fartura. E aí, vamos comer crepes? Se você quiser saber mais sobre este delicioso costume, aqui no Direto de Paris tem uma super matéria sobre a  Chandeleur .

Crepe

 

Para quem gosta de ler

­

A Elegância do Ouriço – Muriel Barbery
Companhia das Letras – 352 páginas

 

Adoro ler e esse foi um dos que mais gostei ultimamente. Bom, como não poderia deixar de ser aqui na newsletter, a história se passa aqui em Paris, com destaque para o edifício do número 7 rue de Grenelle. Em meio a moradores “bem de vida”, duas mulheres muito diferentes e que não se encaixam no meio em que vivem: Renée, a zeladora antissocial, e Paloma, uma adolescente que quer cometer suicídio no dia em que fizer 13 anos. Os pensamentos, encontros e desencontros dessas duas personagens são um verdadeiro deleite para quem gosta de uma boa leitura.

Livro

 

Personagem
Anne de Bretagne, rainha duas vezes
­

Sou historiadora, e, por isso, não dá para não falar de história por aqui. E Anne de Bretagne é uma personagem fascinante. Nascida em 1477, era a herdeira de um dos ducados mais cobiçados da Coroa Francesa: o da Bretanha (Bretagne), que, no final da Idade Média, era muito maior e poderoso que a região atual que leva esse nome. Então, é claro que os reis franceses eram doidos para botar a mão nesse território e, assim, aumentar o poder e tamanho do reino. Como eles não conseguiam ganhar as guerras contra o ducado, não se viu outra solução: era necessário casar o herdeiro do trono, o futuro Charles VIII, com a duquesa Anne, única herdeira da Bretanha.

Mas naquela época os reis poderiam morrer cedo, sem filhos ou antes da maioridade deles. Inclusive o pai de Charles, o rei Louis XI, já tinha morrido. Então, a regente, Anne de Beaujeu, irmã do noivo, estipulou que se Charles VIII morresse sem filhos, Anne, a de Bretagne, se casaria de novo com o próximo rei, que seria o primo deles, Louis. Desse modo, o ducado continuaria nas mãos da França.

Anne de Bretagne
Detalhe da obra de Jean Bourdichon, Grandes Heures d’Anne de Bretagne, iluminura realizada entre 1503 e 1508

Assim, Anne se casou com Charles VIII e virou rainha. E não é que o rei morre sem filhos, aos 27 anos, ao bater a cabeça na porta do castelo de Amboise? Morte mais besta essa! E aí a pobre duquesa se casou com o primo do marido, o primo Louis, que virou o rei Louis XII. E Anne de Bretagne virou rainha da França pela segunda vez e a Bretanha virou francesa para sempre. O casal teve duas filhas: Claude, que seria também rainha da França ao se casar com o primo, herdeiro do trono, e Renée, que se casaria com Ercole d’Este, filho de Lucrécia Borgia. Tudo é ligado, né?

Anne de Bretagne é uma das personagens mais lembradas e amadas da História Francesa. Era uma mulher inteligente, que queria que o seu ducado mantivesse sua liberdade, e o governava de perto. Morreu em 1514, com apenas 36 anos, esgotada pelas muitas gestações (muitos natimortos) e abortos.

 

Para passear
Château de Langeais, Vale do Loire

Newsletter 1

Já que estamos falando de Anne de Bretagne, que tal visitar o castelo de Langeais, onde ela se casou com Charles VII? É um château com arquitetura bem medieval, com o interior mobiliado de acordo com o período. Podemos até ver o quarto das crianças com os brinquedos da época. E em uma das salas, há a reconstrução do casamento de Anne, com os personagens em tamanho natural.

Aí depois nada melhor do que passear pelo parque, contemplando as flores, a vista do castelo e do rio Loire. Foi um dos primeiros castelos que conheci na região do e sempre que posso volto lá. E aqui no site, tem um post bem completo do Château de Langeais  para guiar qualquer visita.

______________________________________

Alguns eventos interessantes em Paris

 

Não dá para falar de tudo o que acontece nessa cidade, muito menos nesse país. É muita coisa legal ao mesmo tempo. Então, escolhi colocar aqui para você três exposições bem interessantes que estão agitando a Cidade Luz.

 

Steve McCurry (fotografia e fotojornalismo) – Musée Maillol

Talvez o nome não lhe diga nada, mas você já deve ter visto esta fotografia da menina afegã. Pois a foto é obra de Steve McCurry, um fotojornalista apaixonado pelo lado humano de zonas em conflito.A exposição é cheia de fotografias que captam a sensibilidade das pessoas e das situações. Vai até 22 de maio no Musée Maillol.

 

Newsletter 1

 

Julie Manet – La Mémoire Impressionniste – Musée Marmottan-Monet

Julie Manet é filha de Berthe Morisot e sobrinha de Édouard Manet. Mas não para por aí! Ela mesma foi pintora e colecionadora de arte. São estas facetas de Julie que são mostradas na exposição, que é uma verdadeira viagem aos bastidores da arte do final do século XIX e começo do XX. Vai até 20 de março no Musée Marmottan-Monet.

 

 

La Collection Morozov (pintura, escultura) – Fondation Louis Vuitton

É uma exposição muito interessante sobre dois irmãos colecionadores russos, os Morozov. Vivendo no final do século XIX e começo do XX, eles puderam adquirir obras de vários artistas na época em que elas começaram a ser vendidas. Tem Monet, Renoir, Picasso, etc, além de pintores russos da época influenciados por estes artistas. Vai até 03 de abril na Fondation Louis Vuitton .

 

Newsletter 1

 

 

Bom, é isso! Já escrevi bastante. Claro que teria muito mais coisas para colocar aqui, mas essa newsletter iria ficar gigantesca.

Se o resultado desta edição for bom, a frequência desse tipo de publicação será mensal e eu vou mandar um email para te avisar. Mas se você preferir não receber mais nada, basta clicar  aqui.

Obrigada pela companhia aqui no site e nas redes sociais. Um abração e um mês excelente para você!
Renata Rocha Inforzato

 

Newsletter 1

 

 

Renata Rocha Inforzato

Sou de São Paulo, e moro em Paris desde 2010. Sou jornalista, formada pela Cásper Líbero. Aqui na França, me formei em História da Arte e Arqueologia na Université Paris X. Trabalho em todas essas áreas e também faço tradução, mas meu projeto mais importante é o Direto de Paris. Amo viajar, escrever, conhecer pessoas e ouvir histórias. Ah, e também sou louca por livros e animais.

Comentários (0)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Direto de Paris usa cookies para funcionar melhor. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close