Comer & Beber, Compras

Os supermercados de Paris

1 de setembro de 2015

Uma das coisas que mais gosto de fazer durante as viagens é visitar algum supermercado e ver o que tem nele: o que tem de igual e o que há de diferente. Apesar de já morar em Paris há mais de cinco anos, isso é uma coisa que ainda adoro fazer por aqui. E ainda bem, senão minha geladeira estaria vazia. Então, faço aqui para vocês uma lista com os principais supermercados que podem ser encontrados na cidade.

supermercados

Antes de começar, quero dizer que esta não é uma lista definitiva. Ela abrange só os principais supermercados de Paris. Tem muito mercado e mercearia de bairro que não coloquei aqui, pois são muitos.

supermercados

Uma pergunta que muita gente me faz é se existem supermercados próximos ao hotel ou apartamento em que vão se hospedar. Sim, com certeza existe, pois praticamente todos os bairros são bem servidos desses estabelecimentos. Para vocês terem uma ideia, eu vivo nos arredores de Paris – da minha casa até a estação Saint-Lazare são só cinco minutos de trem – e perto daqui há nada mais nada menos que sete supermercados, todos a menos de dez minutos a pé de distância. Então, vamos à lista:

supermercados

1) Monoprix
Acredito que esta rede seja uma das mais famosas de Paris. Cada bairro da cidade tem aos menos dois Monoprixs. Só perto de casa tem três. Os mais simples, muitos deles chamados Monop’, possuem apenas a área de alimentação, higiene e limpeza, mas os Monoprix mais completos abrangem até roupas, coisas para a casa, papelaria e, para a nossa alegria, maquiagem e produtos de beleza. É uma ótima opção para comprar aquele creme que você tanto quer ou as lembranças para a família ou amigos.

supermercados

supermercados

Na área de alimentação, o destaque vão para os sanduíches e comidas prontas. Além dos lanches comuns aqui, como presunto e queijo (jambon et emmental) ou de frango assado e salada (poulet rôti), a rede apresenta opções um pouco diferentes, como sanduíches com figos e queijo bleu, por exemplo. Os pratos prontos também são muitos, como vários tipos de risotos, carnes e massas, que você pode esquentar em um micro-ondas presente ali mesmo ou levar para o hotel (se tiver como esquentar) ou apartamento. Outra maneira de economizar com comida é comprar uma das várias saladas que tem ali. Tem até sobremesas. A rede vende muitos produtos de marca própria. Para ver os endereços, acesse o site. É só colocar o código postal de onde você vai ficar e aparecem os supermercados da rede mais próximos do lugar da sua hospedagem.

supermercados

2) Franprix
Essa é outra rede que tem muitos estabelecimentos em Paris. Aqui perto de casa tem três também. É mais centrada em alimentação e tem muita variedade de comidinhas prontas. Eles comercializam várias marcas, mas também têm a marca própria – Franprix -, além de venderem os produtos Leader Price, que são baratos e de qualidade. Eu, por exemplo, adoro o sanduíche de salmão e queijo branco dessa marca.

supermercados

Então, para quem quer economizar nas refeições, aqui tem sanduíches, aperitivos, saladas, pratos prontos e sobremesas. Já a área de higiene e produtos de beleza tem só o básico. Não vende maquiagem, nem roupas e nem coisas para a casa. Se quiser saber se tem um Franprix perto do seu hotel ou apartamento, acesse aqui

supermercados

3) Carrefour
Bom, essa rede dispensa apresentação, não é? Também tem bastante Carrefours por Paris, mas eles são praticamente de três tipos: o Carrefour Market, que é o hipermercado com tudo, como nós conhecemos no Brasil. Desses, os endereços são somente nos arredores de Paris. Já o Carrefour Express e o Carrefour City estão por todos os bairros da Cidade Luz. O Express, como o nome já diz, reúne o básico da alimentação, para compras rapidinhas. O City tem um pouco mais de variedade em termos de comida. Maquiagem, roupas e coisas para a casa só no Carrefour Market mesmo.

supermercados

No Carrefour, também há os sanduíches e pratos prontos, assim como aperitivos, saladas e sobremesas. Assim como no Brasil, boa parte dos produtos comercializados é de marcas próprias. Para saber se tem um Carrefour perto da sua hospedagem, clique aqui

supermercados
Aperitivos com queijo – adoro

4) Casino
Esse também é conhecido dos brasileiros. Aqui em Paris também se apresenta de várias formas: desde aquele mercado que tem tudo, incluindo maquiagem, roupa e itens para a casa, até aquele que é só para compras rápidas mesmo. Assim como o Carrefour, os maiores, chamados Géant Casino, estão quase todos localizados nos arredores de Paris. Já os menores, chamados simplesmente Casino, podemos encontrar por toda a cidade.

supermercados

Como aqui o foco é te ajudar a economizar com refeições, vale dizer que a área de comidas prontas do Casino é bem grande, com sanduíches, saladas, sobremesas e pratos prontos. Em alguns deles, encontramos até guaraná e outros produtos do Brasil, para a felicidade dos brasileiros que moram aqui. A rede também comercializa marcas próprias. Para localizar um Casino e saber mais sobre a rede, o site é esse

supermercados
Sanduíches de bacon

5) Lidl
É uma rede de supermercados alemã, mas bastante presente aqui na França. Em Paris há em vários bairros. Ele é conhecido por ser um supermercado mais barato, embora eu ache as diferenças de preços entre ele e os outros supermercados em Paris muito pequenas. A área de comidas prontas tem os sanduíches, aperitivos, saladas, pratos prontos e sobremesas de diversas marcas. No site da rede você pode ver se tem um supermercado perto de você.

supermercados

supermercados

6) Dia
A rede espanhola também é conhecida no Brasil, tinha um Dia perto da minha casa lá em Osasco. Aqui na França, ela foi comprada em 2014 pelo Carrefour, mas conserva o nome e marca. Não tem muitos supermercados da rede em Paris e os que existem são pequenos, se comparados com as redes que citei acima.

supermercados

Também sempre acho que eles têm uma cara mais “bagunçada”, mas o que não impede que tenham preços e promoções ótimas. Além da marca própria, Dia, a rede comercializa a marca Carrefour, além de outras marcas. Também tem a parte de comida, sanduíches, sobremesas e saladas prontas. Para saber mais sobre a empresa e achar um supermercado, clique aqui

supermercados
Salada de atum

7) Intermarché
A rede francesa está presente em vários bairros de Paris. Também apresenta vários tipos de supermercados, mas os que estão em Paris são baseados mais em alimentação. Possui várias opções de marcas e produtos. Para quem quer economizar com restaurantes, a seção de comidas prontas e lanches é ótima. Ali também achei guaraná e pelo mesmo preço dos outros refrigerantes. Para saber os endereços dos supermercados da rede em Paris, acesse o site e clique em “sélectionner mon magasin”.

supermercados

supermercados

supermercados
A alegria dos expatriados brasileiros

8) Leader Price
É aquela marca de produtos baratos de que falei lá em cima. Ela faz parte do grupo Casino e possui alguns supermercados em Paris, além de comercializar com o Franprix. Em seus mercados, não tem a área de sanduíches, mas a parte de comida pronta e congelada é ótima. Eu adoro o Hachis Parmentier deles (carne moída, batata e queijo gratinado). Se você está em apartamento ou em hotel com micro-ondas, é uma ótima pedida. Mas os outros pratos deles também são deliciosos. Para saber se tem um Leader Price perto de você, acesse aqui

supermercados

supermercados
Dois dos pratos mais gostosos da cozinha francesa

9) G20
Esses supermercados estão presentes em quase todos os bairros de Paris e são focados mais em alimentação. Eu os acho muito bem organizados e rápidos, ao menos nos que já fui. Também tem seção de comidas, lanches e saladas prontas que é bem boa. Para achar um G20 é aqui

supermercados

supermercados

10) Magasin U
Também apresenta vários tipos de mercados, como Hyper U, Super U e U Express. Os que estão localizados em Paris fazem parte do U Express, que são um pouco menores e focados em alimentação. É grande a variedade em produtos alimentícios. Tem também marca própria. Para quem quer fazer uma refeição e economizar com restaurantes, a parte de comidas, sanduíches e saladas tem muitas opções. Para localizar um supermercado da rede, clique aqui

supermercados

supermercados
Sobremesas

11) Simply
É uma rede com supermercados principalmente em bairros como o 14eme, 15eme, 20eme, e é mais focada também em alimentos (o que quer dizer o básico em produtos de higiene e beleza). Assim como todos os outros ali em cima, possui uma ótima seção de comidas prontas, com lanches, saladas, pratos prontos e sobremesas para você fazer suas refeições e economizar na sua viagem. Faz parte do grupo Auchan, então, há muitos produtos da marca, que são muito bons. Para encontrar um supermercado da rede perto de onde você vai ficar, acesse aqui.

supermercados

supermercados

12) Auchan
Para quem gosta de supermercado, esse é o paraíso. Na verdade, ele é um hipermercado, como os grandes Carrefours. Não tem em Paris, mas há dois endereços – entre os muitos da rede – que são super fáceis de ir: Auchan Bagnolet, no Centre Commercial Bel-Est, estação Galieni, linha 3 do metrô; e o Auchan La Défense, no Centre Commercial Les Quatre Temps, metrô La Défense, linha 1, ou RER A La Défense.

supermercados

No Auchan tem de tudo: comida, maquiagem, produtos de beleza, roupas, coisas para a casa, presentes, eletrônicos, papelaria, livros e até lembranças de Paris. Um lugar onde você pode comprar presente para todo mundo. Tem marcas próprias ou que eles comercializam com exclusividade e a escolha é realmente grande. Então, a seção de comidas prontas também não poderia ser diferente. O difícil é escolher. Se quiser saber mais sobre o Auchan, veja o site

supermercados

13) E.Leclerc
É que nem o Auchan, não tem em Paris, só nos arredores. Mas tem um deles que é fácil de ir, situado na cidade de Levallois-Perret, aqui ao lado da minha. Ele fica no Centre Commercial SO Ouest (um grande shopping center). Para ir, é só pegar o ônibus 53 ao lado da Opéra, direção Pont de Levallois, e descer na parada Alsace. O trajeto dura mais ou menos meia hora. Esse supermercado também tem de tudo: comida, coisas para a casa, maquiagem, produtos de beleza, eletrônicos, papelaria e muito mais. Alguns também têm um espaço de farmácia e ótica (compro minhas lentes de contato ali, aceitam receita brasileira). E, de quebra, você pode passear pelo shopping. Para saber mais e localizar um supermercado E.Leclerc, veja aqui

supermercados

supermercados
Saladinhas

14) Marks & Spencer Food
Não é bem um supermercado, mas como o objetivo aqui é economizar com refeições, acho que essa rede entra bem no texto. A marca inglesa está abrindo cada vez mais lojas de produtos alimentícios aqui em Paris, onde você pode comprar, entre outras coisas, uma infinidade de sanduíches, salgadinhos, pratos prontos e outras gostosuras. O destaque, como não poderia deixar de ser, é a culinária inglesa. Para localizar uma loja, clique aqui

supermercados

supermercados

Algumas observações

1) A maioria das redes citadas aqui está presente também em outras cidades francesas. No site de cada uma você pode ver se tem supermercado da rede na cidade para onde você vai.

2) Esses supermercados também são ótimos para comprar vinho. A gente fica até perdido em qual escolher. O mesmo para chocolates e outras coisas gostosas.

supermercados

3) Muitos brasileiros costumam comparar os preços de frutas e legumes entre os supermercados daqui e do Brasil. Isso é perda de tempo, pois são países com agriculturas diferentes. Então, o que é barato no Brasil é caro e exótico aqui e vice-versa. Então, se estiver com vontade de comer banana, por exemplo, compre uma e seja feliz, sem ficar comparando os preços.

4) Quando falo seção de comidas e sanduíches prontos significa a seção com opções para a gente fazer um lanchinho ou refeição, ali na hora. Nessa área também pode ter quiches, pedaços de tortas salgadas e doces, sobremesas e bebidas. É só pegar, pagar e já tem tudo para fazer uma boa refeição. Alguns supermercados têm nessa parte até frutas cortadas em pedacinhos, prontas para comer. Esse tipo de seção é uma ótima opção também para quem vai ficar em apartamento, mas não quer ficar cozinhando.

supermercados

5) Alguns desses supermercados, como alguns Monoprix por exemplo, têm também uma área de padaria, geralmente na entrada dos estabelecimentos. Ali você compra tortas, bolos, sanduíches e bebidas e não precisa entrar no supermercado para pagar, paga ali mesmo.

6) Sei que o euro está caro ultimamente, mas as diferenças de preços entre os supermercados aqui em Paris não são gritantes. Um mercado pode ter um produto mais caro, mas em compensação outra coisa nele é mais barata. Então, não vale a pena ficar pesquisando preço e perder tempo na sua viagem.

7) Na porta dos supermercados está marcado o horário de funcionamento. No site de cada rede também. Fique atento, pois esses horários podem variar mesmo entre estabelecimentos da mesma cadeia. Geralmente, domingo à tarde todos estão fechados.

supermercados

* Reserve hotel para Paris e outras cidades do mundo com o Booking
* Compre seu seguro de viagem com a Real ou com a Mondial
* Para fazer passeios e excursões, contate a ParisCityVision
* Para transfer e passeios privados, contate a França entre Amigos
* Compre ingressos fura-fila para várias atrações de Paris e outras cidades com a Ticketbar
* Alugue um carro com a Rentalcars
* Saiba mais sobre Cursos de idiomas no exterior

Renata Rocha Inforzato

Sou de São Paulo, e moro em Paris desde 2010. Sou jornalista, formada pela Cásper Líbero. Aqui na França, me formei em História da Arte e Arqueologia na Université Paris X. Trabalho em todas essas áreas e também faço tradução, mas meu projeto mais importante é o Direto de Paris. Amo viajar, escrever, conhecer pessoas e ouvir histórias. Ah, e também sou louca por livros e animais.

Comentários (35)

  • Wanice Bon'ávígo Responder    

    1 de setembro de 2015 at 0:56

    Renata, ótimo post! Super útil. Obrigada. Bjs

  • Eduardo Von Atzingen Responder    

    1 de setembro de 2015 at 11:51

    Novamente a Renata com excelentes dicas, informações e fotos do dia-a-dia na França. Eu recorri a vários deles em Paris, mas é sempre bom contar com novas informações e dicas!! Muito legal.

  • Maria Responder    

    1 de setembro de 2015 at 17:36

    Adorei, excelentes informações.
    Merci beaucoup !

  • Luiz alberto Responder    

    15 de outubro de 2015 at 21:33

    Maravilha de post
    Parabéns

  • Rodrigo Lacerda Responder    

    5 de novembro de 2015 at 12:31

    Olá. Parabéns pelo post. Vou ficar em um Ibis sem cozinha. Existe opções de comida quente (econômica) nestes supermercados?

    • Renata Inforzato Responder    

      8 de novembro de 2015 at 23:23

      Oi Rodrigo. Existe para esquentar no microondas (pode pedir isso na cozinha do Ibis) ou alguns têm frango assado e outros pratos quentes. Depende do mercado e do bairro. Um abraço e obrigada

  • Paris – um novo centro comercial em um antigo mercado de bairro - Direto de ParisDireto de Paris Responder    

    4 de dezembro de 2015 at 20:50

    […] em 1º de outubro de 2015, vai abrigar poucos comércios: um supermercado, Les 5 Fermes, da rede Simply; uma loja de roupas Camaïeu; a academia Neoness; um restaurante de carne de Hugo Desnoyer; uma […]

  • Otavio A Leandro Responder    

    3 de janeiro de 2016 at 2:08

    ótimas dicas, diretas, rápidas e práticas, como os franceses, estive aí em outubro,no ibis tour eiffel cambronne, na divisa entre o 7 e 0 15, ia muito na rua do comércio, ao lado do hotel. Um bairro bem francês.

    • Renata Inforzato Responder    

      3 de janeiro de 2016 at 4:57

      Oi Otávio, obrigada. Tem um post aqui no blog sobre a rue du commerce, acho que vc vai gostar. Um abração

  • Lisyane Gelinski Responder    

    29 de fevereiro de 2016 at 21:12

    gostei das suas dicas, vou em Paris em junho , gostaria de mais dicas de passseios e compras, se vale a pena comprar perfumes, os outlets compensa?

    • Renata Inforzato Responder    

      4 de março de 2016 at 14:47

      Oi Lisyane, você pode ver mais dicas de passeios aqui mesmo no blog. Quanto a compras, os perfumes são mais caros que no freeshop, mas tem mais variedade. As melhores lojas são a Sephora e a Marionnaud. As lojas da rue de Rivoli são mais caras, fuja dali. Já o outlet aqui mais conhecido é o Marne la Vallée Village https://www.lavalleevillage.com/fr/home/ . Um abraço

  • Thaise Responder    

    11 de março de 2016 at 23:12

    Nossa! Maravilhoso o post. Eu só tinha lido a respeito do Monoprix, Franprix e Leader Price e Picard, mas bem por alto. Você sabe dizer se em algum desses mercados tem mesinha para comprar e ali mesmo se servir? O hostel que reservei proíbe entrar com comida e eu queria muito comprar comida congelada, mas não terei onde esquentar.

    Obrigada.

    • Renata Rocha Inforzato Responder    

      11 de março de 2016 at 23:30

      Oi Thaise.. Eu só vi isso em alguns Monoprix, Casino, mas não são todos.. Tem que ver nos que são perto do seu hostel… Um abraço

  • Saint-Lazare – A Gare de Monet – Direto de Paris Responder    

    9 de abril de 2016 at 22:29

    […] o Lazare. E já quem quer economizar no lanchinho ou comprar algo para comer no trem, dois supermercados: um Monoprix e um Carrefour […]

  • Saint-Lazare – A Gare de Monet - Direto de ParisDireto de Paris Responder    

    12 de abril de 2016 at 19:24

    […] o Lazare. E já quem quer economizar no lanchinho ou comprar algo para comer no trem, dois supermercados: um Monoprix e um Carrefour […]

  • Mariza Lobato Responder    

    16 de maio de 2016 at 0:04

    Renata, HELP!!!! Rs! Eu, marido e dois filhos iremos a Paris de 05 a 09 de julho deste ano, mas meu marido e meu filho irão a Marseille ver jogo da EuroCopa e eu e minha filha de 10 anos ficaremos sozinhas em Paris por 3 dias. Vamos nos hospedar no Hotel Powers (52, Rue François, 1.er)! Eu não falo inglês nem francês e não consegui procurar nos sites os supermercados que podem estar nos arredores (tenho medo de sair pesquisando com ela, só nós duas e não conseguir voltar, rs). Mas também não quero ficar presa dentro do hotel….. Será que você pode me ajudar??? MUUUUITO OBRIGADA!!!

    • Renata Rocha Inforzato Responder    

      16 de maio de 2016 at 22:13

      Oi Mariza, não se preocupe, onde vc ficar com certeza vai ter vários supermercados, tá cheio em Paris. Se você ficar com muito medo, vai acabar nem conhecendo as atrações. Não! Arrisque, mesmo sem falar outro idioma, dá pra se comunicar. Na primeira vez que vim, também não falava nada de inglês e nem francês e deu tão certo que voltei. E não tenha medo de se aventurar e até de se perder. A graça de Paris é isso também. Um abração

    • Francisco Responder    

      31 de maio de 2016 at 2:24

      Olá, parabens pelo blog. Muito interessante e simpático. Tentando ajudar a Mariza Lobato sobre mercado: Fiquei em abril na Rue François 1er, 60 e é só atravessar a Champs Elysee, que fica bem próxima, que tem um Monoprix na esquina. 5 minutos andando. Super fácil. Tem também ótimos restaurantes na rua.

      • Renata Rocha Inforzato Responder    

        2 de junho de 2016 at 13:00

        Oi Francisco, verdade, o Monoprix da Champs-Élysées é uma boa. Obrigada pelo comentário e pela ajuda. Um abraço

  • Denise Morato Responder    

    22 de junho de 2016 at 18:30

    Oi Renata. Estou aqui lendo sua página para aprender um pouco e agilizar a viagem. Estou indo para Paris e adoro mercados, supermercados e feiras. Minha primeira vez e espero aproveitar um dia para passear pelos mercados e as feiras. Obrigada pela ajuda.

  • Antenor Responder    

    12 de julho de 2016 at 12:23

    Maravilha de postagem!
    Eu só queria saber se tem como descobrir (ou se você sabe) de endereços de Monoprix com microondas pra aquecer os pratos no próprio local, pois eu acho que meu Hostel, Generator, não tem cozinha aberta aos hóspedes.
    Muito obrigado pelas dicas e por um eventual esclarecimento! Abraço!

    • Renata Rocha Inforzato Responder    

      12 de julho de 2016 at 20:35

      Oi Antenor, infelizmente não dá pra saber quais têm microondas, pois são muitos aqui na cidade. O negócio é ver quando você já estiver por aqui. Um abraço

  • Conceição Responder    

    17 de novembro de 2016 at 4:09

    Renata, encontrei seu blog, pesquisando sore a região de Ile de France, a fim de ilustrar um trabalho de Gastronomia. O objetivo é conhecer a região, no que diz respeito ao clima, cultura, geografia, história, mas contextualizando com a gastronomia. Ou seja, como o clima e todos esses aspectos geográficos, culturais, interferem ou determinam a alimentação na região. Da produção primária de alimentos até o prato a ser degustado.
    Seria muita intrusão pedir-lhe ajuda?
    Sou de Salvador/BA

    • Renata Rocha Inforzato Responder    

      27 de novembro de 2016 at 22:07

      Oi Conceição. Acho que é mais apropriada a ajuda de um especialista na área que more ou tenha morado aqui. Entra no site do Campus France Brasil que lá tem os contatos das universidades na sua área. Um abraço

  • valdete Responder    

    13 de janeiro de 2017 at 18:03

    obrigada pelo seu excelente trabalho. Estaremos em Paris nos dias 5 a 12/02/2017. vou usar uas dicas. muito obrigada por compartilhar!

  • Maria Responder    

    7 de fevereiro de 2017 at 10:44

    Bom dia Renata! Adorei seu blog! Estou indo dia 26 de fevereiro com 03 amigas e temos em média 65 anos. Poderia,por favor me dizer se o Hotel Brittany na rua Saint Lazare é uma boa opção? Procurei muito no bairro Marais,porém os hotéis muitos baratos não possuem elevador,e isto,para nós fica inviável. Obrigada!

  • Maria Responder    

    13 de março de 2017 at 17:46

    Olá Renata tudo bem? Olha eu moro aqui na frança a alguns meses, e falo pouco o francês mas eu entendo bem.
    Bom eu estou aqui legalmente .
    Eu trabalho como nounou mas estou querendo arranjar trabalho em supermecado.
    Mas tenho medo pq não falo bem o francês., você sabe me dizer se os diad de folgas dos funcionarios caiem no domingo? Como funciona isso? Eu gosto de ter folgas finais de semana.
    Bem se você poder me responder ficarei grata.
    Obrigada

    • Renata Rocha Inforzato Responder    

      9 de julho de 2017 at 0:24

      Oi Maria, não sei ao certo, porque nunca trabalhei nisso. Acho que cada rede deve ter o seu esquema de folgas. Um abraço

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Direto de Paris usa cookies para funcionar melhor. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close