Troyes

Hospedagem em Troyes – Hotel Les Comtes de Champagne

12 de fevereiro de 2016

Troyes é uma cidadezinha medieval na região de Champagne-Ardenne (região que agora se juntou à Alsace e Lorraine), a pouco mais de uma hora de Paris. Muita gente faz bate e volta, mas para quem tem mais tempo, aconselho a passar ao menos uma noite para conhecer a cidade e os arredores. Por isso, aqui vai uma dica de hotel simples e barato.

Hospedagem em Troyes

Passei quatro dias em Troyes e me hospedei no hotel Les Comtes de Champagne. Ele fica bem no centro histórico da cidade, também em uma construção histórica, do século XVI. O lugar é simples, mas gostei muito da decoração, que lembra o período medieval, época da glória de Troyes. Não tem elevador, mas as escadas são suaves.

Hospedagem em Troyes

O quarto que peguei era o mais simples: de solteiro com toalete, mas o chuveiro era no corredor. Foi opção minha, porém o hotel também tem quartos com banheiro e mais luxuosos. O chuveiro, apesar de ser no corredor, ficou praticamente só para mim e era bem limpo. O quarto também era limpo. O preço da diária foi de 45,35€. Já o quarto individual com banheiro completo no quarto era 69€. O café da manhã é a parte e custa 9,50€ por pessoa (crianças de 6 a 12 anos pagam 6€). Arrependi-me em não pedir, porque era estilo buffet e tinha bastante coisa.

Hospedagem em Troyes
Peguei o quarto mais barato e simples, mas adorei

Hospedagem em Troyes

Como é um hotel duas estrelas, não há amenities, como sabonetinhos, xampus, etc. Havia só um frasco de sabonete líquido para você usar ali mesmo. A internet era boa, o wifi funcionava bem mesmo meu quarto sendo no último andar.

Hospedagem em Troyes

E no penúltimo dia da minha estadia, ganhei um queijo enorme no mercado da cidade. Era o Chaource, a especialidade da região. Como era muito grande para comer antes de eu ir embora e não tinha onde guardar no quarto, perguntei para a recepcionista se poderia guardar na geladeira. Ela prontamente me atendeu e guardou o queijo para mim. Na hora de ir embora, quando pedi o queijo, o dono do hotel até brincou comigo, dizendo: “Ah, eu estava tão feliz achando que era para mim”.

Hospedagem em Troyes

Hospedagem em Troyes
E olhem o que tinha na decoração do hotel. Tradução: O mais belo país o mundo produz também o melhor café. Bebam todos o Café do Brasil

Enfim, o Les Comtes de Champagne é um hotel básico e charmoso. O meu quarto era super simples, mas confortável. A localização e a simpatia da equipe me fizeram passar excelentes dias em Troyes. Por isso recomendo. E a cidade é imperdível. Se preparem que, em breve, virão textos de lá.

Hospedagem em Troyes

Hotel Les Comtes de Champagne
54-56 Rue de la Monnaie
10000 Troyes
Telefone: 33 3 25 73 11 70
Horários da recepção: das 7h às 22h.
Há quartos desde “petits budgets” (pequenos orçamentos) até luxuosos, estes últimos com banheira e chaminé. Há também pequenos apartamentos, de 2 ou 3 cômodos, para quem viaja com a família. E também quartos para pessoas com dificuldades de locomoção. Estacionamento sob reserva. Como os preços podem mudar, é sempre bom consultar antes.

Hospedagem em Troyes

Como chegar a Troyes
A partir da estação Gare de l’Est, em Paris, basta pegar o trem para Troyes. O trajeto dura em torno de 1h30. Mais informações, como preço e horários, consulte o site da SNCF

Hospedagem em Troyes
As recomendações do Routard, que, para mim, é o melhor guia de viagem

* Reserve hotel para Paris e outras cidades do mundo com o Booking
* Compre seu seguro de viagem com a Real ou com a Mondial
* Para fazer passeios e excursões, contate a ParisCityVision
* Para transfer e passeios privados, contate a França entre Amigos
* Compre ingressos fura-fila para várias atrações de Paris e outras cidades com a Ticketbar
* Alugue um carro com a Rentalcars
* Saiba mais sobre Cursos de idiomas no exterior

Renata Rocha Inforzato

Sou de São Paulo, e moro em Paris desde 2010. Sou jornalista, formada pela Cásper Líbero. Aqui na França, me formei em História da Arte e Arqueologia na Université Paris X. Trabalho em todas essas áreas e também faço tradução, mas meu projeto mais importante é o Direto de Paris. Amo viajar, escrever, conhecer pessoas e ouvir histórias. Ah, e também sou louca por livros e animais.

Comentários (2)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Direto de Paris usa cookies para funcionar melhor. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close