Arras

Hospedagem diferente em Arras, no norte da França

6 de setembro de 2018

Arras é uma das principais cidades do norte da França, marcada pela Primeira Guerra Mundial e com muitas atrações. Opções de hospedagem não faltam aqui, mas o lugar em que fiquei é bem diferente

Hospedagem diferente

Como eu viajo sozinha e tudo sai do meu bolso (prefiro assim), acabo escolhendo opções em conta e que são mais próximas da realidade do viajante brasileiro, pois com os euros nas alturas não dá para abusar. Não ligo para confortos: uma boa cama, um bom chuveiro e uma boa localização já bastam.

Hospedagem diferente

Então, Maison Saint-Vaast foi um achado para mim. Ela fica a uns 15 minutos do centro da cidade (muitos hotéis mais caros ficam bem mais longe do que isso) em um convento do século XVII . Mas apesar do lado histórico do monumento, as instalações são modernas.

Hospedagem diferente

O lugar é enorme, rodeado por um parque e com uma igreja ao lado (a igreja do complexo, esta construída no começo do século XX, pois a antiga foi destruída na Primeira Guerra). Os quartos são simples, bem espírito de convento, mas muito limpos e boa parte deles com banheiro. Não há televisão, mas nem achei falta, pois tinha o parque e várias salas por ali para ler depois do jantar, antes de dormir.

Hospedagem diferente

Escolhi o quarto individual por 32,80 euros a noite. Havia também a opção de meia pensão (44 euros) ou pensão completa (57 euros), mas escolhi só o quarto, pois iria passear o dia todo e comer fora. Há quartos mais baratos, sem banheiro privativo. E quartos para mais pessoas, com ou sem banheiro. Para quem quiser fazer alguma refeição ali, o café da manhã custa 5 euros e as refeições, almoço ou jantar, entre 10 e 15 euros. Para quem vem de carro, há estacionamento.

Hospedagem diferente

Apesar de ali também funcionar a Maison Diocesana, ou seja, abrigar a administração da diocese e várias atividades para a comunidade, o ambiente era super calmo, de paz mesmo. Ideal para descansar depois de um dia todo de passeios. E a equipe, muito simpática, ainda me deu ótimas dicas sobre Arras.

Hospedagem diferente

Maison Saint-Vaast
103 rue d’Amiens
62000 Arras
Pode reservar pelo telefone +33 3 21 21 40 38 ou pelo email maison.diocesaine@arras.catolique.fr
Ou, ainda, pelo site oficial

Como ir a Arras: da Gare du Nord, pegar o trem para Arras. A viagem dura entre 1 hora e 2h30, depende se o trem é direto ou não. Para mais informações consulte o OUI.sncf, o site da companhia francesa de trens. Se da estação de Arras, você não quiser ir a pé até o hotel, pode pegar o ônibus Ligne A, número 4 e descer na parada Amiens, em frente a Maison. O bilhete do ônibus custa 1 euro.

Hospedagem diferente

* Reserve hotel para Paris e outras cidades do mundo com o Booking
* Compre seu seguro de viagem com a Real ou com a Mondial
* Para fazer passeios e excursões, contate a ParisCityVision
* Para transfer e passeios privados, contate a França entre Amigos
* Compre ingressos fura-fila para várias atrações de Paris e outras cidades com a Ticketbar
* Alugue um carro com a Rentalcars
* Saiba mais sobre Cursos de idiomas no exterior

Renata Rocha Inforzato

Sou de São Paulo, e moro em Paris desde 2010. Sou jornalista, formada pela Cásper Líbero. Aqui na França, me formei em História da Arte e Arqueologia na Université Paris X. Trabalho em todas essas áreas e também faço tradução, mas meu projeto mais importante é o Direto de Paris. Amo viajar, escrever, conhecer pessoas e ouvir histórias. Ah, e também sou louca por livros e animais.

Comentários (12)

  • Angela C S Anna Responder    

    6 de setembro de 2018 at 16:14

    esses corredores me lembram meu colegio, da ate um medinho pq estreiou o filme de terror da freira essa semana aheuahe no geral achei legal que transformaram em um hotel!

  • Bruna Responder    

    8 de setembro de 2018 at 13:40

    Ótima dica. É sempre bom economizar, mas manter um pouquinho do conforto e ainda conhecer um lugar diferente e histórico, né? Adoro esse tipo de hospedagem.

  • Tripping Unicorn Responder    

    9 de setembro de 2018 at 9:46

    Estou contigo, localização é uma coisa que não dá pra abrir mão. Excelente post!

  • Mariana Responder    

    12 de setembro de 2018 at 0:06

    Tambem gosto de lugar assim: com bom chuveiro, boa cama e boa localizacao! E de preferencia com precinho bem camarada! Otima dica!

    • Renata Rocha Inforzato Responder    

      14 de setembro de 2018 at 10:23

      Oi Mariana. Em se tratando de França, é muito difícil ter boa localização e preço realmente bom. Então, temos que aproveitar, bjs

  • Maria Martins Responder    

    14 de setembro de 2018 at 11:28

    Amei a dica! Concordo com voce! Localizaçao é muuuuito importante! Obrigada por compartilhar!!

  • Gisele Responder    

    14 de setembro de 2018 at 15:09

    Eu gosto de lugares que conservam suas histórias, mas dão um toque de modernidade para conforto dos hóspedes. Você sabe se as refeições são boas o suficiente para valer a taxa extra?

    • Renata Rocha Inforzato Responder    

      21 de setembro de 2018 at 9:38

      Oi Gisele. Como eu ia fazer matérias sobre as atrações, comi em outros lugares. Mas uma senhora que estava lá também gostou. Um abraço

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

O Direto de Paris usa cookies para funcionar melhor. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close