Dijon

Dois hotéis econômicos em Dijon

16 de dezembro de 2017

Acabei de voltar de Dijon, onde fiquei alguns dias para ver como é a cidade no outono. Foi minha segunda visita à terra da mostarda e em cada uma delas fiquei em um hotel diferente e vou dar a dica desses hotéis econômicos agora.

Hotéis
Rua do Hôtel Le Chambellan

Como qualquer viajante, sempre tenho um orçamento de viagem e aquilo que é prioridade para mim. Então, sempre que escolho hotel, tento privilegiar duas coisas: localização e limpeza. Na maioria das vezes, os hotéis em que fico são simples, mas muito confortáveis e perto de onde eu quero visitar.

Hotéis
Uma parte da rua do hotel Le Jacquemart

Mesmo sendo blogueira e jornalista, não peço cortesias e nem descontos em hotel. Já tive uma vez e não me senti completamente à vontade. Primeiro porque não gosto de ter a obrigação de escrever sobre ele. E se eu não gostar do lugar? Segundo porque o estabelecimento, sabendo que você vai publicar alguma coisa, não vai te dar o mesmo tratamento que daria a um cliente comum. E eu quero ter a experiência de um cliente comum, a mais próxima possível dos meus leitores. Afinal, meu compromisso é com quem me lê. Sendo assim, vamos às dicas:

Hotéis
Centro histórico de Dijon

1) Hôtel Le Chambellan – Voltando aos hotéis de Dijon: a minha primeira visita à cidade foi na primavera. E, na ocasião, escolhi o Hôtel du Chambellan. Ele é um estabelecimento duas estrelas, localizado no centro histórico da cidade, perto do Palais des Ducs e da igreja Saint-Michel.

Hotéis

O preço do quarto mais barato, para uma pessoa, com chuveiro, mas sem banheiro, é de 44 euros (preços de 2017). E o banheiro é dividido com mais um quarto. Já para os quartos com chuveiro e banheiro a diária mais barata é de 50 euros. Todos tem televisão e internet.

Hotéis

O café da manhã é pago à parte e custa 7,50 euros (tarifas de 2017). Não tomei o café ali, preferi ir a um dos muitos cafés nos arredores, que eram mais baratos. No quesito limpeza, o hotel não deixou nada a desejar: tudo bem limpo e arrumado. Não há amenities, é claro, mas havia um secador de cabelos que foi fundamental, já que havia esquecido o meu.

Hotéis

A equipe foi bem simpática e prestativa. O check-in era às, mas eu cheguei às 10 horas e eles me deixaram ir para o quarto, que já estava arrumado, sem cobrar a mais. Foi uma mão na roda. E quando fiz o check-out pude deixar as malas com eles e passear pela cidade, já que meu trem só partiria à noite.

Hotéis

Hôtel du Chambellan
92 Rue Vannerie
21000 Dijon
Para reservar, acesse o Booking

Hotéis

2) Hôtel Le Jacquemart – Minha segunda visita à Dijon foi agora no outono. E, desta vez, o primeiro hotel já estava completo quando comprei minha passagem. Então, comecei a buscar outro e foi aí que achei o Hôtel Le Jacquemart. E também foi uma ótima experiência.

Hotéis

O hotel, também de duas estrelas, fica dentro do centro histórico, igualmente perto do Palais des Ducs. Ele é localizado em uma parte do centro cheia de lojas de antiguidades e de roupas bem charmosas. E a arquitetura ali é uma volta no tempo, com belas construções e algumas ruas só para pedestres.

Hotéis

O preço do quarto mais barato, com ducha e lavabo, é de 38 euros. O banheiro fica em frente e é compartilhado com outro quarto. Já o quarto com chuveiro e banheiro custa 56 euros. Todos têm televisão e internet. E secador de cabelo também.

Hotéis

O café da manhã também é à parte e custa 7,50 euros. Mas, assim como na primeira viagem, preferi tomar meu café nos arredores. A limpeza também é ótima e a equipe foi nota dez: até guardaram um queijo que ganhei no mercado na geladeira para mim. E também pude guardar minha mala no último dia do horário do check-out até a hora do meu trem partir.

Hotéis
A área comum do hotel

Hôtel Le Jacquemart
32 Rue Verrerie
21000 Dijon
Para reservar, veja o hotel no Booking

Hotéis

Enfim, se você está de viagem marcada ou quer conhecer Dijon, não quer gastar horrores e ainda ficar bem localizado, recomendo esses dois hotéis. Para você ter uma ideia, a maioria dos hotéis mais caros que vi nem ficava no centro histórico. Enquanto esses dois, econômicos, eram praticamente ao lado das principais atrações históricas. Ou seja, além de pagar menos, você também vai ter a experiência de dormir no centro histórico de Dijon.

Hotéis
A outra parte da rua do hotel Le Jacquemart

* Reserve hotel para Paris e outras cidades do mundo com o Booking
* Compre seu seguro de viagem com a Real ou com a Mondial
* Para fazer passeios e excursões, contate a ParisCityVision
* Para transfer e passeios privados, contate a França entre Amigos
* Compre ingressos fura-fila para várias atrações de Paris e outras cidades com a Ticketbar
* Alugue um carro com a Rentalcars
* Saiba mais sobre Cursos de idiomas no exterior

Renata Rocha Inforzato

Sou de São Paulo, e moro em Paris desde 2010. Sou jornalista, formada pela Cásper Líbero. Aqui na França, me formei em História da Arte e Arqueologia na Université Paris X. Trabalho em todas essas áreas e também faço tradução, mas meu projeto mais importante é o Direto de Paris. Amo viajar, escrever, conhecer pessoas e ouvir histórias. Ah, e também sou louca por livros e animais.

Comentários (0)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

O Direto de Paris usa cookies para funcionar melhor. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close