Comer & Beber

Crêperie Suzette – um mundo de crepes no Marais

11 de junho de 2015

Vir para Paris e não comer ao menos um crepezinho é quase impossível. É uma comida barata e super gostosa. E tem crepe de tudo quanto é tipo, doce e salgado (chamamos este último de galette). Os de rua são mais baratos, mas vale a pena ter a experiência de almoçar ou jantar em uma creperia. E é sobre uma delas que vou falar agora.

crepes

Quem me indicou a Crêperie Suzette foi uma grande amiga minha de infância que viveu aqui por um ano. Na verdade, ela me levou lá e eu adorei. O lugar fica bem no coração do Marais, então, é uma parada estratégica entre uma visita ou outra, ou, até mesmo, depois que você já rodou bastante e quer comer uma coisa gostosa para fechar o dia. Bom, lá é o lugar.

crepes

A creperia tem um ambiente legal, o pessoal é acolhedor e foi simpático comigo em todas as vezes em que fui lá. Os preços são bons, mas se a gente pensar na qualidade e tamanho dos crepes, o preço é ótimo. O mais caro, se não me engano, era 11 euros. A galette (crepe salgado) que pedi foi a Sévigné – uma homenagem a uma das moradoras mais ilustres do bairro e que viveu onde hoje é o museu Carnavalet. Essa galette tem frango, cogumelo, queijo, manjericão e creme. E é muito boa!

crepes
A galette é feita com trigo sarraceno, mais escuro, conforme a tradição na Bretagne

O restaurante não oferece menus para o jantar, tipo aqueles que você paga um preço fixo por entrada, prato e sobremesa. Há esta opção somente para o almoço. Depois, é só à la carte. Mas, como eu disse, os preços são bons. Após devorar o salgado, pedi um doce, o clássico – e óbvio, já que sou uma chocólatra sem solução – crepe de Nutella. Ele é grande, mas, como sou gourmande (um nome chique para comilona), consigo comer tudo. E sem arrependimento.

crepes

Para acompanhar os crepes, o pessoal aqui tem o costume de pedir uma cidra. Eu sempre peço a Doux, que acho mais gostosa, pois é mais docinha. Nessa comilança, gastei 21,50 euros nos dois crepes e na cidra. Para mim, valeu a pena. Mas você pode gastar ainda menos. E para quem não gosta de crepe, (deve existir alguém) há várias opções de salada.

crepes
A cidra e a água (lembrando que água é de graça nos restaurantes franceses, assim como o pão. Mas, na creperia nada de pão, pois seria carboidrato demais)

Bom, para vocês terem uma ideia do tamanho dos crepes, aqui vai uma foto minha com o crepe de Nutella. Não é da visita mais recente, pois quem tirou essa foto foi minha amiga, que já voltou ao Brasil. A cada vez que vou lá procuro variar os crepes salgados, mas o doce não tem jeito não: quase sempre é de Nutella. Não digo que é o melhor crepe de Paris, pois, para afirmar isso, teria que ter provado todos os da cidade, o que está longe de acontecer. Mas, posso te garantir: é um dos melhores que comi em cinco anos de Cidade Luz. E olha que adoro um crepezinho.

crepes
Olha a minha cara de felicidade!

Crêperie Suzette
24, rue des Francs-Bourgeois
75003 Paris
Telefone: 01 42 72 46 16
Horários: todos os dias, das 12h às 23h
Metrô Saint Paul – linha 1

crepes

* Reserve hotel para Paris e outras cidades do mundo com o Booking
* Compre seu seguro de viagem com a Real ou com a Mondial
* Para fazer passeios e excursões, contate a ParisCityVision
* Para transfer e passeios privados, contate a França entre Amigos
* Compre ingressos fura-fila para várias atrações de Paris e outras cidades com a Ticketbar
* Alugue um carro com a Rentalcars
* Saiba mais sobre Cursos de idiomas no exterior

Renata Rocha Inforzato

Sou de São Paulo, e moro em Paris desde 2010. Sou jornalista, formada pela Cásper Líbero. Aqui na França, me formei em História da Arte e Arqueologia na Université Paris X. Trabalho em todas essas áreas e também faço tradução, mas meu projeto mais importante é o Direto de Paris. Amo viajar, escrever, conhecer pessoas e ouvir histórias. Ah, e também sou louca por livros e animais.

Comentários (2)

  • Francine Responder    

    16 de junho de 2015 at 10:15

    ho hoho ho !

    acabo de ver que este lugar é perto do Marche d’Aligre, vou tentar conciliá-los rsrsrs

    (gostei de te ver na fotinha também!!)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Direto de Paris usa cookies para funcionar melhor. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close